Skip to main content

Como decidir o melhor

Ontem o Edu passou super mal: teve febre e vômito e ficou caidinho a tarde toda. Como a febre não era muito alta e ele havia participado da "festa do brigadeiro" na escola, até agora eu não sei se ele teve uma virose ou algo parecido com uma enxaqueca. Desde que começou a se sentir mal não conseguiu comer nada, nem o leitinho que ele tanto gosta.

Pra hj eu tinha programado fazer o aniversário dele na escola junto com outro menino. Apesar do aniversário dele ser só no dia 14, achei que seria legal fazer o aniversário com as outras crianças mas devido ao seu mal estar resolvi que ele não iria.

Mas mãe não decide nada mesmo e apesar de continuar indisposto e ter vomitado o golinho de água que tomou hj de manhã ele resolveu que queria ir à escola. Eu conversei, expliquei, perguntei 500 vezes se ele queria mesmo ir e a resposta era sempre a mesma:

_ Eu quero ir na escola.

Liguei então pra lá pra ver a opinião da escola e eles disseram que eu deveria leva-lo sim. Apesar da dúvida e da preocupação troquei-o e o mandei à escola. Dei um remédio pra vômito e pedi pra professora dar um anti-térmico depois de um tempo: os dois remedios em supositório porque nada parava no estomago dele.

Fiquei aqui em casa preocupadíssima esperando o telefone tocar mas não tocou. E quando fui buscá-lo ele estava meio caidinho mas estava feliz.

Agora vendo as fotos da festa acho que tomei a decisão certa.