Skip to main content

Natal


Eu sempre gostei muito do Natal. É uma época em que fico mais emotiva mas me divirto muito enfeitando o pinheiro de natal e até fazendo as compras de final de ano. Este ano já comprei quase tudo e só falta mesmo comprar o presente do Sergio que ja sei o que vai ser mas preciso estar sem ele pra poder comprar.

O natal também significa pra mim um fechamento de ciclo. Fico sempre anciosa esperando o inicio de um novo ano, sempre me planejo para as mil coisas que quero fazer no ano seguinte e me preparando para o meu aniversário. Ao contrário de muitas mulheres, eu adoro fazer aniversário e nunca tive problema nenhum em dizer minha idade ( 35 até 6 de janeiro, apesar de me sentir bem mais nova!!!).

mesmo gostando muito dessa época do ano também me canso muito nela. Primeiro porque qualquer coisa que se tem que fazer fora de casa vira uma batalha. Todos os shoppings e supermercados ficam lotados o tempo todo. Eu fico me perguntando porque as pessoas precisam comprar tantas coisas para um período de no máximo 15 dias! O trânsito fica insuportável e as pessoas dirigem como fugitivas.

Sem contar o desespero das pessoas. Todo mundo com pressa, irritado, andando de um lado pro outro como barata tonta parecendo que teremos uma guerra nuclear a qualquer momento e não dá pra perder tempo.

Que graça tem comprar um presente na maior correria, brigando com a funcionaria da loja, no maior empurra-empurra? Eu acho tão prazeroso escolher, decidir com calma, comprar com a maior euforia imaginando o que o presenteado vai achar do que o "papai noel" vai trazer.

Outra coisa que não tenho gostado muito no natal é essa história de cada ano os enfeites aparecerem mais cedo. Este ano teve lugares que ja estavam totalmente enfeitados no inicio de novembro. O que acaba acontecendo é que quando chega mesmo o mês de dezembro e a época de natal ninguem mais presta atenção nos enfeites. Fica até enjoativo.

Este ano eu só levei o edu em dois shoppings porque tinha mesmo que ir neles. Ainda não o levei pra ver os enfeites da cidade. Talvez este final de semana a gente comece a dar umas voltas pela cidade pra mostrar os enfeites. Ainda nem montei a nossa arvore de natal! Já comprei alguma coisa mas vou montar só neste próximo final de semana. Assim, no dia de natal, tudo ainda será novidade pra ele.

Mas o que mais me irrita mesmo nesta época do ano são os aproveitadores da estação. Hj recebi uma correspondencia pedindo doações pra crianças com câncer. Eles colocam aquele monte de fotos de crianças doentes e no meu caso o envelope veio em nome da Helena. Onde eles pegaram o nome dela nem imagino mas de certa forma os pais sempre acabam pensando que seus filhos poderiam estar naquela situação. Esse tipo de "marketing" deve funcionar muito bem porque todo ano minha caixa do correio fica cheia desse tipo de correspondência.

Sem contar os telefonemas!! Eu nunca imaginei que existissem tantas ONG's no país e tanta gente disposta a ajudar os outros. Teve uma que foi até engraçada: a moça ligou perguntando sobre a minha cunhada, quando eu disse que ela nao morava mais aqui e que eu era a empregada, ela ja foi dizendo que eu poderia colaborar tb e foi pedindo o meu telefone e tentou nao perder a viagem.

Mas ja estou me preparando psicologicamente porque a semana que vem aparecerão o entregador do gás, o pessoal que entrega conta de água, telefone, luz e que recolhe o lixo. Todo ano me preocupo muito com o lixeiro porque acho que têm um trabalho bastante árduo. Este ano farei diferente porque tive problemas com a coleta do lixo o ano todo; se tornou comum ficarem alguns saquinhos de lixo pra tras. E algumas vezes eles derrubavam da lixeira (acredito que involuntáriamente) e depois eu tinha que juntar o lixo que os vira latas de plantao espalhavam.

Ou seja; acho que estou meio insensível neste natal!