Skip to main content

Coincidência

Falando em bicicletas: em comemoração ao dia das crianças ontem teve um passeio ciclístico na escola do Edu. Ele ficou a semana inteira esperando por este dia na maior ansiedade e eu tive até que marcar na folhinha o dia em que ele poderia levar a bicicleta pra escola.

Foi até legal porque ele começou usar o calendário e entender que depois de cada noite começa um novo dia e ter uma idéia de tempo.

No dia do evento ele levantou na maior animação e não via a hora de ir pra escola com sua bicicleta do Super Homem (sim!!! Eu que detesto esta história de super heróis tive que aceitar a bicicleta do Super Homem).

O problema foi na hora de ir buscá-lo. Quarta feira é o dia que a minha "assistente" não vem e então eu tenho que ir buscar o Edu na escola com a Helena e a Luísa. Isso porque o Edu queria muito que eu voltasse a buscá-lo na escola e pra mim acaba sendo legal porque saio um pouco de casa e encontro minhas amigas-mães da escola.

Sai bem mais cedo de casa porque sabia que teria problemas pra carregar todo mundo e a tal bicicleta até o carro. Logo que cheguei já encontrei com duas amigas e enquanto uma foi dar uma volta com a Helena a outra entrou comigo no pátio pra procurar a bicicleta do Edu naquele mar de bicicletas.

De cara já avistei a "linda" bicicletinha do Super Homem e a Claudia viu um papel colado nela com o nome EDUARDO - Jardim A. Achei estranho porque o Edu é do Jardim B e fui procurar a identificação que eu coloquei mas não tinha nada. Dei mais uma olhada ao redor e vi a verdadeira bicicleta do Edu com o nome dele e a turma.

Dá pra acreditar que os dois Eduardos do Jardim têm as bicicletas iguaizinhas??? Por muito pouco eu não trouxe a bicicleta errada.

Também por coincidência o Edu estava no parque naquele momento e quando viu aquela moça alta e loira pegando a bicicleta dele correu a nosso encontro e ficou segurando a bicicleta com cara de assustado. Só quando me viu ele relaxou mas pediu que nao levássemos a bicicleta pro carro. Só quando ele entrou na sala dele é que a Claudia finalmente conseguiu pegar a bicicleta e me ajudar até o carro.

Não sei o que teria sido de mim se não fossem as minhas amigas.