Skip to main content

Filho indesejado

Eu me sinto mais que realizada com os três filhos que tive e todo foram muito bem programados e desejados. Mas imagino que se eu engravidasse hoje não me assustaria muito porque ainda não decidi se quero encerrar a minha carreira de "parideira". Se acontecesse este acidente de percurso eu faria algumas brincadeiras com o médico que colocou o DIU e iria curtir meu novo bebezinho na maior alegria e tenho certeza que o Sergio agiria da mesma forma.


Eu sempre soube que não fui uma filha programada. Minha mãe engravidou depois de 8 anos do nascimento da minha irmã "mais nova" e apesar de ter apenas 38 anos ela acreditava que nem engravidaria mais. Então, a semana passada ela conversava com uma vizinha sobre filhos e gravidez:


- "Eu engravidei com 40 anos mas perdi", disse a vizinha.

- "Quando eu engravidei da Lena eu já tinha 38 eds nem esperava mais que poderia engravidar", retrucou a minha mãe e completou: "Eu não queria ter mais filhos mas depois que vem a gente vai fazer o que, né?"


E disse isso assim, na minha frente, com a maior naturalidade.


Agora vou usar e abusar desta informação pra justificar todos os meus problemas. Estou até pensando em ficar meio deprimida pra tirar umas ferias, fazer uns passeios, comer uma comidinha gostosa...