Skip to main content

Posts

Showing posts from June, 2009

Coisas do Canadá

- Você sabia que a prefeita de Mississauga, Hazel_McCallion, foi eleita pela primeira vez em novembro de 1978 e que em novembro de 2006 ela se elegeu para o seu 11° mandato: aos 86 anos de idade?

- E em janeiro deste ano foi aprovada uma lei em Ontário proibindo fumar em veículos que esteja levando crianças de até 16 anos? Segundo alguns estudos, dentro do carro as pessoas ficam expostas a uma concentração de fumaça 25 vezes maior do que em um ambiente aberto. E abrir o vidro do carro não ajuda porque o fluxo de ar levaria a fumaça para a parte de trás do veículo. Pra quem for pego fumando enquanto carrega crianças no carro, multa de no mínimo $250.

- E a província de Ontário foi a primeira no mundo a aceitar um casamento de pessoas do mesmo sexo (14 de janeiro de 2001). Hoje este tipo de casamento é permitido no país inteiro e muitos americanos vêm se casar no Canadá, além de casais de varios outros países.

Falando nisso, domingo foi a "Parada Gay" de Toronto. Infelizmente nós…

Ajuda

Queridos leitores estou precisando de uma ajudinha aqui no blog.

Eu recebi uma reclamação da minha cunhadinha querida (tem que elogiar porque ela efetivamente lê o blog, rs). Quando ela abre o meu blog aparece uma janela de um tal belambra. Se fosse só no computador dela talvez eu deixasse mais um tempo (brincadeirinha!!!!). Mas esta acontecendo a mesma coisa no meu computador e eu imagino que em outros também.
Eu já tive este problema com outros blogs e preciso de uma ajuda pra saber como tirar este "negócio" daqui.
Alguém tem alguma ideia?

Agregando brasileiros

Desde que chegamos por aqui sempre tivemos medo de formar um gueto a exemplo dos nossos vizinhos paquistaneses e indianos. Queremos viver neste país multicultural e aproveitar todas as coisas que podemos aprender com outras culturas, mas isto não quer dizer que somos avessos a brasileiros, rs.
Com a compra do nosso carro a nossa vida ficou muito mais fácil e agora estamos podendo convidar e aceitar convites para passear, conhecer lugares e pessoas. E gente legal pra se conhecer é o que não falta por aqui.
Com a chegada dos nossos amigos Renata, Dory e Olivia, nossa vida social melhorou muito porque eles são "pau pra toda obra". Vira e mexe nós damos um jeito de nos encontrar e as crianças parecem amigos de muito tempo. A Olívia conversando com a Luísa (as duas aprendendo a falar) é impagável!!! Uma gesticula, a outra resmunga e as duas se entendem super bem.
A semana passada nós fomos ao High Park com a Mirela, Mauro e as meninas e de quebra conhecemos os também brasileiros Den…

Michael Jackson e Farrah Fawcett

E os dois morrem no mesmo dia!!! Fiquei triste pela Farrah e chocada pelo Michael. É engraçado como algumas pessoas fazem parte de um mundo meio imaginário na cabeça da gente e parece que elas nunca vão morrer.

Estes dias vendo todas as notícias eu fiquei me lembrando do seriado "As Panteras" e de quantas e quantas vezes eu e minhas amigas não nos imaginávamos sendo a Jill, a Kelly e a Sabrina.
O Michael Jackson fez parte de uma outra fase: eu comecei gostar dele na minha adolescência e adorava vê-lo dançar. O engraçado é que não é meu tipo de música preferido e mesmo que eu tenha um CD dele em mãos dificilmente será minha primeira escolha. Mas quando uma música dele está tocando é impossivel não parar pra ouvir. E se ele estiver dançando, pra mim, é hipnose. É triste imaginar que com todo o talento que ele tinha, talvez não tenha conseguido ser feliz.






Report do SK e mudança de escola

Hoje eu recebi o report da escola do Eduardo com o desempenho dele nestes três meses de Senior Kindergarten. Como tudo na escola, o report é muito simples mas muito completo, usando palavras de fácil entendimento e dando conceitos para cada item que foi analisado:

T - necessário tempo e experiência adicionais
S - demonstrou algumas vezes
O - demonstrou frequentemente
C - demonstrou consistentemente

No final de cada Tópico (foram 6 tópicos com vários itens cada um) a professora faz um comentário e dá dicas de como ajudar a criança a melhorar.

A professora também nos telefonou para falar sobre ele. Ela falou com o Sergio (sniff!!!) e disse que ele é uma criança maravilhosa (tb acho), sociável (até demais) e que tem facilidade para aprender (vc diz isso pra todas, né???).

Disse que ele não vai ter problemas na escola e que já compreende tudo o que ela diz mas ainda não fala (já percebi!!!). Para que ele não perca o que já aprendeu até agora ela sugeriu que o levemos a parques e lugares onde ele…

Qual é a música?

Aposto que o pessoal mais "velhinho" se lembrou do programa do Silvio Santos!!! Vcs acreditam que eu torcia para o Ronnie_Von???? Pelo menos hoje em dia ele não está causando vergonha em quem gostava dele no início dos anos 80!!!

Mas na verdade o post é apenas pra falar de um site bobinho onde vc descobre qual a música que estava em primeiro lugar na
Billboard no dia em que vc nasceu. O site é este aqui.

No dia 06/01/1971 estava em primeiríssimo lugar a música ai de baixo!!! Tenho certeza que até o pessoal mais novinho conhece.




ADOREI!!!


E pra quem quiser matar a saudade do Ronnie Von (bem antes de eu nascer!!!): aqui e aqui também.

E o alarme de incêndio...

Esta noite, para comemorar os nossos três meses de Canadá o alarme resolveu tocar a 1:30 da madrugada. Pra meu desespero o problema era no quinto andar e nós estamos no sétimo. Quando o problema está mais pra cima eu fico mais tranquila, mas saber que poderia haver um incendio dois andares abaixo dos meus pés me deixou um tanto nervosa.
A Luísa ficou grudada no meu pescoço ou no do Sergio o tempo todo e os dois mais velhos acabaram acordando também. Enquanto esperávamos os bombeiros eu coloquei calça e meia nas crianças e o Sergio já deixou sapatos e casacos na porta, rs.
Depois de uns 15 minutos os bombeiros chegaram e em mais 15 comunicaram que foi uma pane no alarme. Só que neste momento todo mundo estava desperto e ninguem queria voltar pra cama.
Então vimos pela janela um casal com uma criança pequena no colo, andando de um lado para o outro lá embaixo. Deu pena!!! Nós achamos que eles são novos aqui no prédio, se desesperaram, sairam correndo e quando viram que tudo estava ok ten…

3 meses de Canadá

Pois é, hoje estamos completando 3 meses aqui no Canadá e parece que já estamos aqui há anos e sem inverno, olha que vantagem!!!

Nestes 3 meses muitas coisas aconteceram:

- Viemos para Mississauga meio no susto porque não conhecíamos bem a cidade e escolhemos o apartamento mobiliado em que ficamos, pela internet - a

- Depois de muitos nãos por estarmos desempregados e sermos recem-chegados, nosso landlord nos ofereceu o ape onde estamos sem nos pedir um único documento - a

- Viemos morar no coração do Paquistão-India em Mississauga. Nos sentimos verdadeiramente como "minoria visível" por aqui mas em nenhum momento sofremos nenhum tipo de preconceito. Ao contrário, temos sido muito bem tratados e aprendemos muito com estas pessoas, em especial os indianos - a

- Conseguimos alugar uma casa lindinha em um bairro que à primeira vista parece maravilhoso, próxima a uma escola muito boa em Etobicoke. E o melhor: sem mostrar nenhum documento de novo!!! Acho que passamos no teste de cred…

A escolha do noivo

Viver assim muito próxima de diferentes culturas pode ser uma grande oportunidade para nos despirmos dos nossos preconceitos e nos tornarmos pessoas melhores. Eu já vi varias discussões sobre o uso do véu das muçulmanas. Até chegar ao Canadá eu achava um absurdo as mulheres serem obrigadas a usar o veu ou a burca; ainda acho que o uso obrigatório é absurdo mas aprendi a respeitar as mulheres que optam por continuar usando mesmo quando moram em países como o Canadá.

Não costumo discutir religião, até porque quando acreditamos que uma coisa é divina é impossivel argumentar: são os mistérios da fé como se diz na igreja católica. O que não aceito é que tentem me converter ou me convencer de que o que eu acredito esteja errado.

Certamente poderíamos passar horas discutindo o véu das muçulmanas mas eu duvido que mudaria a cabeça delas, que até onde eu sei estão muito felizes com seus véus (e muito elegantes também).

Sem contar que nunca têm problema com o cabelo na hora de sair de casa. As ve…

Saindo da fralda

Continuando o assunto da tirada das fraldas: parece que a Luísa se animou e basta um descuido e ela aparece pelada pela casa com uma calcinha na mão (acho que é uma indireta). Eu a deixo só de calcinha mas ela só avisa que fez xixi quando já esta "vazando", mas pelo menos ela vai toda contente para o banheiro.
Ontem ela também fez cocô no vaso sanitário e ficou toda alegre dando tchauzinho...
Pelo que já li e com experiências vividas por outros pais que conheço, eu acho que este é um momento muito importante mas também meio perigoso. Se por um lado é uma coisa natural e que muitas vezes a criança resolve sozinha, como disse a Sandra; por outro, nós pais, pela nossa ansiedade e falta de paciência podemos tornar este período muito estressante para a criança.
Como já disse várias vezes, eu sou a favor do reforso positivo: ignoro o que deu errado e valorizo o que deu certo. As varias escapadinhas que vão ocorrer pelo caminho, mesmo quando eles já tiverem total controle dos esfinc…

Virtual x Real

Neste domingo a família Tudo ao mesmo tempo passou um dia maravilhoso na companhia da família Sai da tua terra, rs.


Foi interessante porque reconheci a Renata assim que bati os olhos nela. E apesar de nunca termos nos visto antes, parecia que já tinhamos conversado muitas vezes pessoalmente. As crianças também se deram super bem e ainda estão perguntando da Olivia. Sem contar que a Olivia não estranhou ninguém.

Até o Dory parecia um amigo de décadas!!!

O dia também colaborou muito com um sol lindo e calor. Eu falei tanto que ainda estou sem voz.

Hoje de manhã o Edu me perguntou cochichando:

- Mamãe, porque estamos falando baixinho? As meninas já acordaram!!!

Treinando crianças, rs

Estava vendo alguns sites interessantes que dão dicas de como tirar a fralda da crianças sem traumas. Eu tive muito sucesso com o Edu e com a Helena e já está chegando o momento de começar a trabalhar com a Luísa. Ainda quero falar mais sobre isso aqui mas enquanto o tempo esta escasso eu vou deixar um video japones para sobre o assunto.



Minha única preocupação é: será que depois a criança não fica condicionada à musica pra conseguir ir ao banheiro? Não gosto muito destas coisas, não. Alguem já usou? Acho que neste caso menos é mais.

Aniversário indiano

Hoje foi o tão esperado aniversário do amiguinho do Eduardo. Estava marcado para as 4:30 mas acabamos chegando as 5 da tarde. Apesar do horário não fomos os últimos a chegar!!!

Como era de se esperar, éramos a única família não-indiana da festa e como sempre, fomos muito bem recebidos por todos. O Eduardo rapidinho se juntou com as crianças e saiu correndo pelo salão com os outros enquanto a Helena, mais tímida, ficou grudada na barra da minha saia; eu e o Sergio nos revezamos tentando segurar a Luisa, rs.

Tinha uns snacks e refrigerante no balcão e alguns enfeites. Na verdade os enfeites estavam nas mulheres. A Maya e a Surya estavam lá e não brigaram, rs.

Brincadeiras à parte, a minha amiga estava com uma roupa tão linda, de tão bom gosto que eu ficava toda hora olhando os detalhes! O Arco-Iris estava completo e elas estavam muito elegantes. É claro que muitas mulheres estavam vestidas com roupas "ocidentais" mas adivinhem de quem era a saia mais curta???? E olhe que ela é e…

Obrigada!!!

Obrigada a todos pela colaboração com o aumento do meu peso. Ele estava totalmente controlado até o presente momento mas já não sei se vai continuar assim.
Já anotei o endereço da loja, já estou preparando uma lista para pedir para quem vem (rs).
Silney: eu já testei varias marcas de chocolate em pó mas achei todos muito doces. Tenho tomado ultimamente o Nesquick das crianças mas não gosto muito e só consigo tomar meio copo (pra quem tomava 1 litro por dia, faz batante diferença). Pra compensar estou comendo muito mais pão, e com Nutella, então já dá pra imaginar que vou ter problemas em um futuro próximo.
Ninha: o que é queijin de trancinha? E já vou começar a procurar a pamonha.
PS: Eu nunca tinha comido Nutella. Umas semanas antes de vir para o Canadá eu comprei para experimentar e adorei. Comi um potinho sozinha em 3 dias!!! (Ninguem gostou naquele momento). Quando cheguei aqui fiquei feliz quando vi o Potão no supermercado e na falta de coisa melhor agora todo mundo gosta.

De castigo

Sim, estamos eu e Helena aqui dentro de casa de castigo com um dia maravilhoso lá fora.
Tudo começou quando às 4 horas da tarde eu convidei as crianças para irmos ao parque. Todo mundo se animou, é claro, mas quando eu olhei o apartamento não tinha um só cantinho que não estivesse cheio de brinquedos. Então nós combinamos que quando todos os brinquedos estivessem guardados nós sairíamos. Enquanto eles juntavam os brinquedos eu fiquei guardando a roupa passada.
O Eduardo rapidinho começou guardar tudo e até a Luìsa estava colaborando do jeito dela (pega um e derruba três) mas a Helena... não tinha tirado um cochilinho à tarde, estava cansada, choramingando e não ajudou em nada.
Eu conversei, expliquei, me propus a ajudar, fizemos todo o possível para que ela colaborasse também, mas não teve jeito. Ela simplesmente não estava a fim. Quando já estava quase tudo guardado eu ainda dei uma outra chance (mãe adora esta expressão: outra chance) e pedi que ela guardasse pelo meno o lego que esta…

Falando Inglês

Hoje foi minha apresentação no curso de inglês. Eu contei mais ou menos a hístória do avião que caiu em São Paulo em 2007 e que toda minha família passou por alguns minutos de desespero até confirmarem de onde o voo vinha. O avião do Sergio estava exatamente atrás daquele avião.
Como eu não pude filmar a apresentação eu resolvi colocar a entrevista do jogador de futebol Anderson, que atualmente está no Manchester United. Pela entrevista dele vai dar pra se ter uma boa idéia de como foi a minha apresentação!
PS: Anderson, nada pessoal. Estamos no mesmo barco.

Revoltada

Hoje, todos vão poder dizer que estou reclamando, que estou decepcionada, que estou de mau.


Eu moro perto do Square One e sempre vamos até lá dar uma voltinha. Voltinha é modo de dizer porque além de ser enorme, eu considero o percurso da minha casa até lá um tanto longe para uma criança de 5 ou de 3 anos. Mas ainda assim, nós vamos com frequência até lá, Edu e Helena geralmente caminhando e ainda andamos bastante pelo shopping e depois voltamos: a pé de novo.


Sempre que vamos ao Wal Mart ou à Zellers, eu pego um carrinho e as crianças ficam dentro até a hora de ir embora, mas assim que chegamos ao estacionamento, vai todo mundo para o chão (a Luísa sempre no carrinho dela) e vamos embora: a pé, sempre com um monte de coisas que compramos.


Estes dias, indo até a biblioteca aqui em frente de casa, eu vejo passar uma fulana com um carrinho da Zellers. Sim, ela tinha feito compras e trouxe o carrinho até a porta da casa dela, há mais de um kilômetro do shopping. Em plena luz do dia passou …

Alarme de incêndio

Aparentemente um grande problema que existe por aqui são os incêndios. Existe uma preocupação enorme com isso e eu vejo os caminhões de bombeiros correndo pra lá e pra cá varias vezes ao dia com sirene e tudo. Até o Edu que adorava o corpo de bombeiros já não presta mais atenção quando ouve a sirene.
No apartamento além do detector de fumaça tem o agradabilíssimo auto-falante. Vira e mexe uma sirene horrorosa dispara e em alguns minutos começa:
- May atention, please. May atention, please...
Nos primeiros dias nos assustamos mas era apenas um treinamento de incêndio ou teste dos equipamentos. Mas já tivemos suspeita de incêndio duas vezes e aí a coisa fica meio tensa. O auto-falante pede atenção, avisa o que está acontecendo e que o corpo de bombeiros já foi chamado, mas manda que a gente aguarde instruções. Não é facil ficar aguardando instruções sabendo que estamos no sétimo andar, com três crianças e sem saber ao certo o que está acontecendo. Quando é em um andar bem acima do meu dá p…

Festinha de aniversário

O Eduardo foi convidado para sua primeira festinha de aniversário aqui no Canadá. Um amiguinho aqui do prédio é o aniversariante. Acho que vai ser ótimo para conhecer pessoas e interessante porque a família é indiana.
Já estou pensando qual o presente que vou dar para o Sayam (não sei como se escreve, rs) que estará completando 5 aninhos. Ele é super educadinho e os pais dele são a simpatia em pessoa.
O triste é que não tenho mais cara de perguntar o nome da minha amiga, mãe dele. Eu sempre pergunto e acabo esquecendo porque é dificil, o triste é que ela já decorou o meu.