Skip to main content

Agregando brasileiros


Desde que chegamos por aqui sempre tivemos medo de formar um gueto a exemplo dos nossos vizinhos paquistaneses e indianos. Queremos viver neste país multicultural e aproveitar todas as coisas que podemos aprender com outras culturas, mas isto não quer dizer que somos avessos a brasileiros, rs.

Com a compra do nosso carro a nossa vida ficou muito mais fácil e agora estamos podendo convidar e aceitar convites para passear, conhecer lugares e pessoas. E gente legal pra se conhecer é o que não falta por aqui.

Com a chegada dos nossos amigos Renata, Dory e Olivia, nossa vida social melhorou muito porque eles são "pau pra toda obra". Vira e mexe nós damos um jeito de nos encontrar e as crianças parecem amigos de muito tempo.
A Olívia conversando com a Luísa (as duas aprendendo a falar) é impagável!!! Uma gesticula, a outra resmunga e as duas se entendem super bem.

A semana passada nós fomos ao High Park com a Mirela, Mauro e as meninas e de quebra conhecemos os também brasileiros Denise, Jean e as crianças. O dia estava maravilhoso e todo mundo se divertiu muito; os adultos conversando e as crianças brincando. O Eduardo e o Jeanzinho não se largaram até a hora de ir embora e se deram super bem. E a Helena adorou brincar com a Mariana e a Ariadne; foi o maior orgulho brincar com as amigas mais velhas. E a Luísa e a Marina; bem, vou levar em conta que as duas são pequenas... mas a Luisa encheu o saco da Marina querendo todos os brinquedos dela!!!

O High Park é um post a parte. O lugar é ótimo para passar o dia e fazer pic nic. Vou até criar uma seção especial no blog pra falar dos lugares imperdíveis e com certeza este Park vai estar na lista. Não preciso dizer que as crianças chegaram em casa exaustas!!!

Hoje, nós fomos a um churrasquinho brasileiro no predio do Cláudio, Elaine e Natalia e conhecemos mais um monte de gente (não vou citar todos porque posso me esquecer de alguém e ficar chato, rs). Mais uma vez o dia estava lindo e as crianças adoraram. Quando chegamos em casa eu mostrei o blog da Elaine e do Claudio pra Helena ver a "amiga" e tive que passar a entrevista que eles deram várias vezes, rs.

É engraçado como sentimos falta de conversar na nossa lingua nativa; como é bom poder falar sem ter que se preocupar com os erros, sem engasgar e sem ter medo de não estar entendendo o que o outro está te falando.

Também é muito legal encontrar pessoas que estão passando pelas mesmas situações, os mesmos conflitos, emoções muito parecidas e que conseguem entender as nossas escolhas. Ao mesmo tempo temos muitas histórias para compartilhas, muitas dicas, muitas coisas novas a aprender o tempo todo.

E assim estamos agregando ao nosso grupo de amigos multicultural várias pessoas daquele país tropical da América do Sul, abençoado por Deus e bonito por natureza, onde nós já não moramos mais.