Skip to main content

Dividindo o quintal: a novela


Em São Paulo são muito comuns aqueles cortiços onde varias famílias dividem o mesmo quintal. Não é raro ver brigas neste tipo de moradia e a gente fica pensando: "ô gentinha"!!! Mas na verdade não é nada facil!!! E eu duvido que nos prédios de luxo as pessoas não se estranhem de vez em quando.

O fato é que pela primeira vez na minha vida estou morando em um "cortiço" e tenho tentado com todas as minhas forças não sair pra baixaria. Exageros à parte, as meninas são ótimas e tenho certeza que eu as incomodo mais que elas a mim, mas de vez em quando precisamos rediscutir a relação.

Para quem não sabe o lixo aqui em Toronto é todo separado. Temos três containers de cores diferentes para cada tipo de lixo: verde para orgânico, azul para o reciclável e preto para o lixo comum. O que é interessante é que todo lixo de banheiro deve ser colocado no latão verde, de material orgânico.

A semana passada um guaxinin resolveu virar meu latao de lixo organico; ele ou eles fizeram uma bagunça enorme no lixo e eu limpei tudo no dia seguinte. Por sorte ele não abriu o lixo das fraldas, até porque a comida dos outros sacos eram mais interessantes, rs.

Não sei porque motivo esta semana o nosso latao de lixo comum esta cheio e não cabe mais nada lá dentro. Então, uma das minhas companheiras de cortiço colocou o saco em cima do latão. Acontece que no saco tinha um monte de "lixo de banheiro" e acho que já da pra imaginar o estrago que fez no quintal.

O raccoon aparece sempre de madrugada o que significa que quando as moçoilas sairam o lixo já estava espalhado e ninguem "viu".

Eu juro que tenho feito o meu melhor para que a nossa relação seja a mais amigável possivel. Eu converso, me ofereço para ajudar no que posso, respeito a privacidade delas ao máximo e faço o possivel para não incomoda-las com o barulho. Já limpei até cocô de cachorro que o raccoon espalhou, sem reclamar.

Agora, juntar papel higiênico e absorventes sujos porque a pessoa ficou com preguiça de separar o lixo eu acho um pouco demais.

O duro é que fico naquela situação super delicada porque não quero dar bronca nelas mas também não posso deixar passar. Agora estou aqui na maior duvida se ligo ou não para o meu "supervisor" (dono da casa). Justamente hoje que eu preciso dele, ele resolveu não aparecer por aqui!!!