Skip to main content

Goodwill


Goodwill é o nome de uma rede de lojas de usados aqui de GTA. Hoje, pela primeira vez, nós fomos até uma destas lojas por indicação da minha professora de inglês. Ela sugeriu que eu fosse até lá para comprar livros.

Na verdade nós acabamos indo em duas lojas. Na primeira nós compramos 12 livrinhos infantis e gastamos apenas $2.80 (dois dolares e oitenta centavos, para não ter dúvidas, rs). E todos os livros estavam em ótimo estado. Muitos deles parecendo novos. Só depois que pagamos foi que percebemos que hj todas as compras tinham 50% de desconto.

Depois que as crianças descansaram um pouco, nós resolvemos ir a uma outra unidade da GoodWill para ver se encontrávamos algo interessante e acabamos comprando mais livros.

Mas o que mais chamou a minha atenção nestas lojas foi o quanto é normal as pessoas comprarem coisas usadas por aqui. Nestes locais vc encontra de tudo um pouco e as pessoas não têm muito preconceito. A Moça que ficou na minha frente na fila do caixa comprou uns enfeites para a casa dela, umas roupas e um sutian. O cachecol que ela comprou estava visivelmente usado, lavado e re-lavado. Eu quase me ofereci pra fazer um de tricôt novinho pra ela. Não sei quanto ela pagou mas ainda assim...

Eu vi várias pessoas comprando pratos, xícaras, vasos, discos de vinil, fita cassete e o Sergio viu um rapaz escolhendo uns talheres amassados. As pessoas vão andando pelas estantes olhando com atenção cada ítem, cada detalhe e procurando naquele mar de coisas algo que possa ser útil para suas casas.

O mais legal é que vc encontra todo tipo de gente nestes lugares. Pessoas muito bem vestidas (talvez tenham comprado tudo ali, rs), mas que vc percebe que não estão ali para mobiliar a casa e sim à procura de algo diferente para compor a decoração. Eu mesma fiquei com vontade de garimpar também mas como as crianças estavam com a gente eu tentei ser o mais breve possivel (não que eu consiga).

Agora o meu problema mesmo é com roupa usada!!! Acho que eu preciso de mais uns anos de Canadá pra talvez começar a me acostumar com isso. Eu vi muitas coisas bonitas e aparentemente bem novas mas eu ainda tenho preconceito.

Não que eu não aceite doações, rs. Minhas crianças já ganharam muitas coisas de inverno este ano e eu estou usando sem parar porque logo logo eles vão perder tudo, e novinho. Mas foram doações feitas por amigos, pessoas que a gente conhece. Este negócio de usar roupa de desconhecido não faz muito a minha cabeça não. E não é só roupa de vestir. Eu também não gosto de usar lençol, nem cobertor, toalha, etc.

Apesar de mim, este comércio de usados por aqui é um grande sucesso. As pessoas chegam aos caixas com o carrinho lotado de roupas e outros objetos e parece que ninguem se preocupa muito com o antigo dono. O que importa mesmo é a grande economia.