Skip to main content

Trabalho voluntário, trabalho "voluntário" e voluntariado obrigatório

É fato que o canadense faz muito trabalho voluntário. E por incrível que pareça, não são só os canadenses: os imigrantes também fazem muito trabalho voluntário, mesmo os que vieram de países como o Brasil, onde a cultura do voluntariado não é muito desenvolvida. Entretanto, pelo que tenho observado existem três tipos diferentes de trabalho voluntário por aqui.


Existem aquelas pessoas que realmente reservam algumas horas de suas vidas para trabalhar voluntariamente em beneficio de terceiros. Nas bibliotecas públicas, por exemplo, existem trabalhos de alfabetização de adultos, leitura para crianças, ensino de informática para crianças, etc. Nestes trabalhos, como o proprio nome diz, os voluntários não ganham nenhum tipo de gratificação e estão ali simplesmente por amor ao próximo.

Mas existem outros tipos de voluntariado não tão voluntário assim. Um tipo de voluntariado muito comum aqui eu chamaria de trabalho "voluntário com interesse". Eu e o Sergio nos enquadramos super bem nele. Eu, faço varios trabalhos voluntários na escola das crianças. Apesar de não receber nenhum benefício em troca deste meu trabalho, eu o faço porque meus filhos estudam ali e eu quero ajudar a melhorar a escola deles. Da mesma maneira, o Sergio, apesar de adorar futebol, provavelmente não seria o técnico se o Eduardo não gostasse de futebol.

Agora, existe um tipo de voluntariado que eu chamaria de "voluntariado obrigatório". A pessoa se voluntaria para receber algo em troca. Por exemplo, no futebol onde o Sergio é o técnico, tem um menino do colegial que se "voluntariou" como assistente do técnico. Mas ele não se voluntariou porque adora futebol!!! Na verdade, no colegial aqui todos os alunos têm que fazer em torno de 40 horas de "voluntariado obrigatório", ou seja, assim que o menino cumprir as suas 40 horas, ele vai simplesmente dizer: "Thank You" e vai embora.

Em muitas modalidades esportivas, existem também este tipo de voluntariado. Os pais se prontificam a ajudar na organização das competições e em troca recebe descontos na mensalidade. Aqui perto de casa, por exemplo, tem um clube com varios tipos de esportes competitivos, um deles é natação. O custo para seu filho nadar competitivamente lá eu diria que é alto, mas se vc trabalhar "voluntariamente" no apoio às competições, o valor da sua mensalidade cai pela metade. Então muitos pais se revezam levando refeições para as crianças nos dias de competição ou trabalhando como "juiz" (não sei o nome) verificando os tempos dos nadadores, dentre outras atividades.

Sinceramente eu não considero isso um trabalho voluntário porque ele no fundo é pago, seja com desconto na mensalidade, seja com o diploma do High School, rs. Mas seja como for, vale muito a pena colocar no seu currículo os trabalhos voluntários que vc fez. O canadense vê com muito bons olhos esta disposição das pessoas em doarem horas de trabalho.