Skip to main content

Ajuda de criança é pouco...

 

... quem não aceita é louco!

Minha mãe sempre disse essa frase e eu concordo com ela. Muitas vezes as crianças vêm me ajudar e aumentam o meu trabalho: derrubam água, ficam brincando, largam coisas pelo caminho... mas ainda assim, vale a pena ter esta ajuda torta e tentar ensina-los a fazer direito. Isso sem contar que eles precisam aprender também a ser solidários, responsáveis e dar valor ao que as outras pessoas fazem por eles.

Pra ser honesta, as crianças têm poucas obrigações diárias para fazer em casa: eles arrumam as próprias camas de manha e guardam todas as suas roupas nos armários. Tambem são responsáveis pela organização dos proprios quartos; trabalho esse que vai depender da organização de cada um.

Mas muitas vezes eles me ajudam com muitas outras coisas quase como um favor.

- Eles poem e tiram a mesa na hora das refeiçoes.

- Guardam a louça limpa da lava-louças.

- Levam a roupa suja para a lavanderia.

- Tiram o lixo dos banheiros e da cozinha e colocam cada tipo de lixo na respectiva lixeira.

- Colocam o lixo na calçada no dia de coleta e recolhem as lixeiras depois que o lixeiro passou (as minhas e as dos vizinhos próximos).

- Passam aspirador de pó nos tapetes.

- Dão comida e água para o Blue e recolhem as fezes dele.

Parece pouco e talvez seja mesmo, mas estamos sempre ensinando novas coisas para eles fazerem, aprenderem como funcionam e principalmente enxergarem que tem alguem fazendo tudo aquilo para a casa funcionar.

Hj eu vi a figura aqui embaixo no Facebook e achei muito legal. Há os pais que achem demais para suas criancinhas fazerem essas coisas. eu acho que sem exageros, é muito saudável. Quanto mais independentes as crianças forem, melhor para elas e quanto mais coisas souberem fazer, melhor ainda.

Eu fico super orgulhosa quando peço para eles guardarem as próprias roupas e quando abro as gavetas vejo tudo guardadinho direitinho. As meninas exageram e separam as camisetas por cor!!! Mas o Edu, quando quer, também sabe fazer um bom trabalho.

 

992945_517457288309397_944403190_n

E de vez em quando, quando está tudo muito bagunçado, fazemos o mutirão da bagunça. Todo mundo junto ajudando a organizar a casa. Fazemos campeonato de quem termina primeiro ou marcamos o tempo para estar tudo arrumadinho... fazemos a maior bagunça e vira um divertimento.

O que eu aprendi com essas tarefas infantis é que com meus filhos trabalhar contrariado não funciona: eu me estresso, eles se estressam, todo mundo briga e nada acaba sendo feito. Deixa-los escolher o que querem fazer na maioria das vezes gera resultados melhores, com muito mais brincadeira e alegria.